Home > Rede decide retirar apoio a Beto Accioly em Camaragibe

Rede decide retirar apoio a Beto Accioly em Camaragibe

A direção estadual da REDE/Pernambuco, em reunião realizada na noite da última sexta-feira (25), tomou a decisão de não apoiar o candidato do PP à prefeitura de Camaragibe (Beto Accioly), conforme havia sido noticiado. Em nota à imprensa, a direção estadual do partido diz, ainda, que desautorizou a Comissão Provisória do Partido no município, “bem como qualquer filiado a expressar apoio ao candidato, em nome da legenda”, afirma no texto.

Segundo a nota, a decisão da Executiva Estadual foi fundamentada em Resolução da Direção Nacional da REDE e será comunicada à Justiça Eleitoral e à Comissão Provisória do partido em Camaragibe. Veja abaixo a íntegra da Resolução da Executiva Estadual da Rede:
Considerando que a REDE, no município de Camaragibe,  vinha participando de articulações para apoiar a pré-candidatura à prefeito de Felipe Dantas, do PV, mas que o mesmo declinou dessa postulação; 
 
Considerando que o referido pré-candidato, por decisão do seu partido, passou a integrar, na condição de candidato à vice-prefeito, a chapa do candidato à prefeito pelo Partido Progressista (PP), Beto Accioly; 
 
Considerando que a Resolução 03/2020, da Comissão Executiva Nacional, no seu Art. 4°, parágrafos 1, 2, 3 e 5, estabelece que: 
Art. 4° -Em relação à política de alianças, determina que:
 
§ 1o Em havendo alianças e coligações, a REDE deve fazê-las em base programática e alinhadas com seus princípios e com o projeto nacional. Deverá ser observado também o histórico político dos candidatos e partidos em âmbito local, estadual e nacional.
 
§ 2o Todas as deliberações dos Congressos Eleitorais Municipais (Convenções Eleitorais) da Rede Sustentabilidade sobre a formação de coligações e escolha de candidatos em capitais e em cidades com possibilidade de segundo turno terão de ser submetidas à aprovação prévia da Executiva Nacional que poderá aprovar, alterar ou anulá-las em caso de desacordo com a estratégia eleitoral da Rede Sustentabilidade.
 
§ 3o Todas as deliberações dos Congressos Eleitorais Municipais (Convenções Eleitorais) da Rede Sustentabilidade sobre a formação de coligações e escolha de candidatos nas demais cidades terão de ser submetidas à aprovação prévia da Executiva Estadual, que poderá aprovar, alterar ou anulá-las em caso de desacordo com as orientações político-eleitorais da Rede Sustentabilidade.
 
§ 5o A Rede Sustentabilidade não poderá participar de coligações que tenham candidaturas majoritárias com personalidades envolvidas em corrupção, que apoiem a intervenção militar ou incitem qualquer forma de violência contra a pessoa humana ou grupos vulneráveis. Os filiados à Rede Sustentabilidade não poderão representar o partido em eventos públicos ao lado de lideranças que se encaixem nestas situações;
 
Considerando que a Comissão Provisória Municipal da REDE/Camaragibe não cumpriu o que estabelece a referida Resolução 03/2020, da Executiva Nacional; 
 
Considerando que a Direção Estadual da REDE/Pernambuco foi surpreendida com notícias veiculadas na imprensa, dando conta de um suposto apoio do Partido à candidatura do PP à prefeitura de Camaragibe;
 
Decide:
 
Art. 1° – No município de Camaragibe, a Rede Sustentabilidade não apoiará a candidatura à prefeito do candidato do PP, Beto Accioly, pelos motivos elencados nesta Resolução; 
 
Art. 2° –  Desautorizar a Comissão Provisória da REDE/Camaragibe e qualquer filiado a apoiar, em nome do Partido, o referido candidato; 
Art. 3° – Dar conhecimento desta decisão à Justiça Eleitoral e à Comissão Provisória da REDE em Camaragibe. 
 
Recife, 25 de setembro de 2020
 
Executiva Estadual da Rede Sustentabilidade – Pernambuco.
FONTE: Diário de Pernambuco

 

Sobre Wagner Oleiro

Radialista desde 93 trabalhou nas principais AMs e FMs do Recife. Começou na carreira logo cedo acompanhando seu pai Cláudio Monfrin que também é radialista (aposentado) nos programas que apresentava. Mas foi como sonoplasta que Wagner Oleiro começou sua carreira aos 16 anos de idade e foi com 19 anos que ele se profissionalisou como radialista na função de locutor, apresentador e animador. Em 2013 ele avança na comunicação indo trabalhar como repórter num canal de televisão no Mato Grosso. Atualmente Wagner Oleiro apresenta uma programação jornalistica nas manhãs da Rádio MAIS FM 104,7 e exerce a função de jornalista nesse portal.

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
x

Veja Também

Governo brasileiro vai usar vacina chinesa contra covid-19 no SUS

Uma vez aprovada pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), a vacina contra a covid-19 do laboratório chinês Sinovac Biotech, ...

Pular para a barra de ferramentas